Duas novas mortes causadas pela gripe aviária foram confirmadas na China neste domingo, elevando o número total de mortos pela doença para 13, segundo a agência de notícias estatal Xinhua.

Ambas as mortes ocorreram em Xangai e três novos casos da doença também foram registrados na cidade. Um total de 11 novos casos foram informados somente neste domingo, incluindo dois em uma província central que até então não havia sido infectada pelo vírus H7N9. Ao todo, 60 casos envolvendo o vírus foram registrados na China.

 

Os dois casos na província de Henan, próxima de Pequim, ocorreram logo após o anúncio de que uma menina de sete anos se tornou a primeira pessoa em Pequim a ser infectada pelo vírus. Até então, todos os casos haviam sido registrados em Xangai e em outras regiões do leste da China. As informações são da Associated Press.