A queda de um Boeing 737-800 de uma companhia ucraniana em Teerã, no Irã, não deixou sobreviventes, segundo a TV estatal do Irã. Havia 176 pessoas a bordo, de acordo com relatos preliminares. A aeronave decolou na madrugada desta quarta-feira, 8, rumo a Kiev, mas caiu minutos depois, nos arredores da capital iraniana.

O desastre ocorreu horas após o Irã atacar posições americanas no Iraque, mas as primeiras informações indicam que o avião se acidentou por causa de problemas mecânicos.

“O avião caiu cinco minutos depois de decolar, disse o porta-voz da aviação civil Reza Jafarzadeh. “O piloto não teve qualquer contato com a torre de controle e não anunciou qualquer situação de emergência antes do acidente”, acrescentou.

De acordo com Pir Hossein Kulivand, responsável pelos serviços de emergência do país, praticamente todos os ocupantes eram iranianos. Trinta e duas pessoas seriam de outras nacionalidades.

O aparelho da Ukraine International Airlines caiu em área agrícola, a sudoeste de Teerã, onde foi mobilizada uma equipe de investigação.