Depois de divulgar uma trégua na greve Canguru em todos os Grupos Patronais na manhã desta terça-feira (7), o Sindicato dos Metalúrgicos do Estado de São Paulo voltou atrás e divulgou nota afirmando que a paralisação também ocorrerá amanhã.

Desta vez, a mobilização acontecerá apenas no Grupo Patronal 10 – que abrange, entre outros, funilaria de móveis, indústria mecânica e Fiesp. A greve Canguru continuará amanhã em empresas do Grupo Patronal 10 na capital e em Mogi das Cruzes. De acordo com a nota, a paralisação será mantida "diante da intransigência patronal".

Segundo o comunicado, apesar do avanço nas negociações entre metalúrgicos e empresários nas questões sociais e nas cláusulas econômicas, não houve acordo na principal reivindicação – o reajuste salarial. A nota afirma, no entanto, que os sindicatos "consideram estar próximos de um acordo com o grupo patronal".

Na próxima segunda-feira, dia 13, uma nova plenária entre os 52 Sindicatos Metalúrgicos do Estado paulista será realizada para avaliar as negociações.