O mundo todo comparou o golaço marcado ontem por Messi para o Barcelona contra o Getafe, na Copa do Rei, ao feito por Maradona pela Argentina contra a Inglaterra, na Copa do Mundo de 1986. E o jovem craque argentino o dedicou ao astro, que está internado em um hospital de Buenos Aires, mas recusou comparações maiores com "El Diez", como Maradona é conhecido.

"Quando estava em campo, não pensava em fazer uma jogada semelhante à de Diego. Só fiquei feliz por fazer mais um gol, nada mais" disse Messi, que nasceu em junho de 1987 – um ano depois, portanto, do golaço marcado por Maradona, eleito o mais bonito da história das Copas do Mundo em votação realizada pela Fifa na internet.

"Quero mandar toda a minha força e carinho a Maradona, para que saia do hospital e se recupere o mais rápido possível, já que esse é o desejo de toda a Argentina e de todo fanático por futebol. Muita gente comparou meu gol ao de Diego, mas eu seguirei minha vida", prosseguiu Messi. "Ainda tenho muito o que aprender.