O espanhol Fernando Alonso tentará no Grande Prêmio da Hungria quebrar a seqüência de vitórias de Michael Schumacher na Fórmula 1. Em 2003, Alonso venceu em Hungaroring, quando se transformou no mais jovem piloto a vencer um GP na categoria. "Tenho recordações fantásticas da Hungria e desse primeira vitória", disse Alonso.

Apesar disso, em 2005, quando passou a ser o mais jovem campeão em 24 anos, Alonso foi apenas o 11º colocado na Hungria. "Na Fórmula 1 tudo pode mudar drasticamente, já que na semana anterior àquele GP eu havia vencido na Alemanha", disse o piloto da Renault.

Neste ano, tudo tem mudado realmente muito rapidamente. Há três corridas, Alonso parecia estar com tudo garantido para conquistar seu segundo título mundial, quando conseguiu a quarta vitória consecutiva e tinha 25 pontos de vantagem sobre o heptacampeão Schumacher, que respondeu com três vitórias seguidas, sem contar que sua equipe, a Ferrari fez a dobradinha duas vezes, derrubando a vantagem de Alonso para apenas 11 pontos, restando ainda seis corridas para o final da temporada.

"As pessoas que Michael está encostando, mas não relaxei quando minha vantagem era maior e, agora também não vou entrar em pânico. Acredito que podemos fazer uma boa corrida na Hungria", disse Alonso. "Não estou preocupado porque continuo na frente dele na classificação, mas é certo que se Michael mantiver esse nível, em três ou quatro corridas pode empatar comigo em pontos, e isso certamente não seria bom para mim", acrescentou.