O número de pedidos de auxílio-desemprego nos EUA caiu 3 mil na semana encerrada em 25 de março, para 258 mil, após ajustes sazonais, segundo o Departamento do Trabalho do país. O resultado veio abaixo da expectativa de analistas consultados pelo Wall Street Journal, que previam queda maior do indicador a 247 mil solicitações.

O dado da semana anterior de 261 mil não foi revisado.

A média móvel das últimas quatro semanas, que reduz a volatilidade do indicador, teve aumento de 7.750 na semana passada, a 254.250. Esta foi a 108ª semana que o dado ficou abaixo da média de 300 mil.

Já o número de pessoas que continuam a receber benefícios de auxílio-desemprego nos EUA subiu 65 mil na semana até 18 de março, para 2,05 milhões. Esse último indicador é divulgado com uma semana de atraso. Fonte: Dow Jones Newswires.