O Índice Geral de Preços – 10 (IGP-10) apresentou deflação de 0,12% em julho, após mostrar queda mais intensa em junho, de 0,22%, segundo a Fundação Getúlio Vargas (FGV). A taxa ficou dentro das previsões dos analistas do mercado financeiro ouvidos pela Agência Estado (de -0,20% a 0,01%) e abaixo da mediana das expectativas (-0,08%).

No caso dos três indicadores componentes do IGP-10, o IPA-10 apresentou taxa negativa de 0,21%, após ter queda de 0,69% em junho. Por sua vez, o IPC-10 apresentou queda de 0,13% em julho, em comparação com a elevação de 0,10% no mês passado. Já o INCC-10 registrou alta de 0,48% em julho, após subir 2,18% em junho.

Até julho, o índice acumula altas de 3,16% no ano e de 8,59% em 12 meses. O período de coleta de preços para o IGP-10 desse mês foi do dia 11 de junho a 10 de julho.