O índice de preços ao consumidor (CPI, na sigla em inglês) da China acelerou para 1,4% em junho, na comparação com igual mês do ano passado, informou nesta quinta-feira (hora local) o Escritório Nacional de Estatísticas do país. Analistas ouvidos pelo Wall Street Journal previam 1,3%, após o CPI avançar 1,2% nos 12 meses até maio.

O CPI ficou inalterado na comparação entre junho e maio. Em maio, ele havia recuado 0,2% ante o mês anterior.

O índice de preços ao produtor (PPI, na sigla em inglês) caiu 4,8% em junho, na comparação com o mesmo mês do ano anterior. Nesse caso, em maio a queda anual havia sido de 4,6%. Analistas previam queda de 4,6% no PPI.

Na comparação entre junho e maio, o PPI recuou 0,4%. Em maio, ele havia caído 0,1% ante o mês anterior.

A inflação branda deu ao Banco Central da China (PBOC, na sigla em inglês) espaço para cortar os juros em junho pela quarta vez desde novembro, na tentativa de impulsionar a economia. Fonte: Dow Jones Newswires.