O Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central cortou nesta quarta-feira a taxa Selic em 0,5 ponto porcentual para 8,5% ao ano. Além de ser a menor taxa de toda a história, ela acionará as mudanças na remuneração da poupança anunciadas pelo governo no início deste mês.

Com a decisão, o BC diminuiu o ritmo de queda do juro básico da economia ocorrido na reunião da instituição de abril, quando a taxa havia sido reduzida em 0,75 ponto porcentual.

A decisão confirmou a previsão da ampla maioria dos analistas financeiros. De acordo com levantamento do AE Projeções, serviço da Agência Estado, de 80 instituições financeiras consultadas, 67 esperavam uma queda de 0,5 ponto porcentual, 11 aguardavam redução de 0,75 ponto e apenas duas apostavam em corte de 0,25 ponto porcentual.

A próxima reunião do Copom está marcada para os dias 10 e 11 de julho. A ata da reunião de hoje será divulgada pelo BC na sexta-feira da próxima semana, dia 8 de junho.