O dólar comercial é vendido, no meio da tarde desta segunda-feira, a R$ 3,039, com alta de 2,49%. A cotação da moeda norte-americana é a maior desde 22 de abril. Em um dia de poucos negócios e carente de notícias importantes, destacam-se as remessas de recursos de bancos estrangeiros para o exterior e um movimento de realização de lucros de instituições financeiras, as quais aproveitam os preços baixos para recomprar os dólares que haviam vendido mais caro anteriormente.

Com a retomada da discussão sobre o piso da moeda e a possibilidade de intervenção do Banco Central, a posição dos investidores é de cautela. O dólar futuro (junho) tem elevação de 2,38%, a R$ 3,097, e o turismo sobe 2,98%, para R$ 3,110.