enkontra.com
Fechar busca

Curitiba e Região

violência

Motorista de aplicativo desaparecido desde sábado é encontrado morto

Testemunhas relatam que viram o veículo parar e que uma briga ocorria dentro do carro. Corpo foi achado no Contorno Norte (PR-418), em Almirante Tamandaré, com marcas de estrangulamento.

  • Por Lucas Sarzi
Motorista foi encontrado morto próximo ao ponto onde o carro foi encontrado. Foto: Gerson Klaina.
Motorista foi encontrado morto próximo ao ponto onde o carro foi encontrado. Foto: Gerson Klaina.

Foi encontrado morto, na tarde deste domingo (11), o homem que trabalhava como motorista de aplicativos de carona e estava desaparecido desde a noite de sábado (10). O corpo de Deinison Diego Hypolito, 25 anos, foi encontrado no Contorno Norte (PR-418), em Almirante Tamandaré, Região Metropolitana de Curitiba (RMC). Segundo a polícia, ele foi morto por estrangulamento.

Deinison teria entrado em luta corporal com suspeito do crime. Foto: Facebook.

Deinison teria entrado em luta corporal com suspeito do crime. Foto: Facebook.

A última corrida do rapaz foi por volta das 20h de sábado. Testemunhas viram que ele parou o veículo próximo a Rodovia dos Minérios e viram que aconteceu uma briga dentro do carro. O carro do motorista foi encontrado pela manhã, no mesmo ponto em que Deinison parou na noite anterior.

Aos policiais militares, um homem que viu o veículo parar contou que o motorista tinha sido agredido, mas o carro estava abandonado no local.

O corpo de Deinison foi encontrado às margens do Contorno Norte, a poucos quilômetros do ponto em que parou o carro. A perícia do Instituto de Criminalística deve ainda apontar qual foi a real causa da morte do motorista, mas ao que tudo indica a causa da morte teria sido asfixia, já que ele teria sofrido com uma gravata no pescoço que o fez parar de respirar.

As equipes da Polícia Militar (PM) coletaram todas as informações que conseguiram e o carro do motorista de aplicativo foi encaminhado ao pátio da Polícia Rodoviária Estadual (PRE) no bairro Tranqueira, em Almirante Tamandaré. A Polícia Civil investiga o caso e trabalha com duas hipóteses, a primeira se Deinison foi vítima de uma emboscada de bandidos que queriam assalta-lo e a segunda se o crime teria outras motivações.

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

18 Comentários em "Motorista de aplicativo desaparecido desde sábado é encontrado morto"


Pensador
Pensador
6 meses 5 dias atrás

Trabalho de risco por corrida de 3.75;às vezes me pergunto se sou um i.d.i.o.t.a ou um desesperado ou ambos. Tudo precisa ser revisto nesses apps,tarifas,regulamentação,cadastro de passageiros… não podemos esperar morrer um por dia ou mais.

João
João
6 meses 5 dias atrás

Qualquer profissão tem seus riscos. Algumas, como taxistas e motoristas de Uber, mais ainda. Hoje em dia, até sair de casa já é um risco. Mas se você não gosta, saia do Uber e tente outra profissão.

Pensador
Pensador
6 meses 5 dias atrás

Joao,se cadastre , faça umas corridas e depois de sua opinião ,vc não sabe da realidade dos iludidos do uber.assim que meu negócio engrenar,Vou cair fora sim,Mas antes vou lutar por melhorias nesse modal,Não vou abandonar os parceiros,em breve teremos novidades.

Cesar
Cesar
6 meses 6 dias atrás

Todo julgamento feito até agora é impreciso e sem confirmação. Não se sabe o que de fato aconteceu. Só especulações …

Cláudio
Cláudio
6 meses 6 dias atrás

Sou taxista e me perguntaram se não é perigoso nosso trabalho a noite.
Sim, é!
Mas imagina então para quem trabalha camuflado? Como fazer essa segurança? Mas dizem amém pros app’$.
Condolências a família.
Aliás é a única manifestação desses app’$ quando isso ocorre.
Lamentamos o ocorrido bla

Cláudio
Cláudio
6 meses 6 dias atrás

Tragédia anunciada. Sem regulamentação que é o mesmo que cadastro, identificação, padronização entre outros cuidados, não se tem segurança. Os apps quetem o mercado ($) brasileiro a qualquer custo, só se esquecem que terão que “herdar” os problemas do sistema também a custa de vidas.

A Gabardo
A Gabardo
6 meses 6 dias atrás

E os testemunhos “bundadeveludo”ficaram assistindo o crime e foram embora dormir? São uns cara pálida!

wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas