A atualização do boletim epidemiológico da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), divulgada nesta sexta-feira (28), revela que Curitiba tem mais 471 moradores infectados com o novo coronavírus. Além deles, outras dez pessoas morreram em decorrência de complicações provocadas pela covid-19. Assim, Curitiba chegou aos 31.917 casos confirmados e 965 óbitos, contabilizados desde de março. A capital permanece em bandeira amarela do protocolo de combate ao coronavírus, conforme confirmou a SMS nesta tarde.

LEIA MAIS – Paraná tem novo recorde de casos de coronavírus com mais 2,8 mil infectados

Entre as pessoas contaminadas, 3.947 estão na fase ativa da doença, sendo potenciais transmissoras do Sars-CoV-2. Mas, a boa notícia é que 27.005 pacientes já venceram a covid-19 e estão recuperados.

Mortes

Em Curitiba, as novas vítimas fatais da covid-19 são sete mulheres e três homens, que tinham entre 31 e 95 anos. Deste grupo, apenas um homem que tinha de 50 anos não possuía idade elevada ou doenças crônicas como fatores de risco.

LEIA TAMBÉM – Testes com vacina russa contra a covid-19 podem começar em 45 dias no Paraná

Ainda de acordo com o informe municipal, sete das novas mortes aconteceram nas últimas 48 horas e os demais falecimentos, ocorreram entre os dias 18 e 22 de agosto. Na capital paranaense, outras 17 mortes e 569 casos suspeitos ainda são investigados.

Internamentos por covid-19

Nesta sexta-feira (28), estão ocupados 80% dos 355 leitos de unidade de terapia intensiva (UTI) do Sistema Único de Saúde (SUS) exclusivos para covid-19 de Curitiba. Segundo a administração municipal, há atualmente, 72 leitos de UTI do SUS livres nos hospitais, prontos para receber pacientes com coronavírus ou com quadros de síndrome respiratória aguda grave (SRAG).

VIU ESSA? Cinco atitudes para ter mais paciência com os seus filhos

Já diagnosticados com coronavírus há 488 pacientes internados em hospitais das redes pública e particular de Curitiba atualmente, sendo que, 174 deles estão hospitalizados em leitos em UTI.

O avanço do coronavírus em Curitiba em gráficos

Coronavírus no Brasil