Um homem foi assassinado e outro ficou gravemente ferido, às 18h40 de ontem, na Rua Guabirotuba, quase esquina com a Avenida Comendador Franco (das Torres), na Vila Torres, Prado Velho. Alexandre de Freitas, 29 anos, dirigia o Idea placa HHX-0451, de Araucária, e estava acompanhado do amigo Rodinei Bernardo Nogueira, 29, quando foram fechados pelos assassinos, em um carro preto.

O delegado Rubens Recalcatti, da Delegacia de Homicídios (DH), disse que foram disparados pelo menos 20 tiros de pistola calibre 9 milímetros. Alexandre morreu na hora e Rodinei foi encaminhado pelo Siate ao Hospital Cajuru, em estado grave. “Não descartamos a possibilidade do assassino ter usado uma submetralhadora, pois foram muitos tiros concentrados no vidro da porta do motorista”, comentou o delegado

De acordo com Recalcatti, o carro foi vendido para uma loja de veículos e Alexandre o havia comprado, mas não tinha pago nenhuma parcela. Ele disse que as duas vítimas tinham passagem pela polícia, mas não especificou por qual crime.

Curiosos

A Rua Guabirotuba atravessa a Vila Torres e o movimento, principalmente no fim da tarde, é intenso. no entanto, isso não intimidou os assassinos. Um morador da vila, que não quis se identificar, disse que por muita sorte nenhuma outra pessoa foi atingida. “Depois que o motorista foi ferido, o carro desceu de ré e bateu em um muro”, contou o homem.

Veja na galeria de fotos o crime.