A Polícia Federal apreendeu no Aeroporto Internacional Augusto Severo, em Natal, no Rio Grande do Norte, uma prancha de bodyboarding que estava recheada com cocaína. Agentes que realizavam a fiscalização no aeroporto notaram a inquietação do profissional de bodyboarding David Deodato da Silva, de 32 anos, cuja bagagem, ao passar pelo raio X, chamou a atenção dos funcionários da Polícia Fedetal.

Ao ser indagado o que havia no interior da prancha, Silva disse que acreditava ser apenas "um defeito de fábrica". Desconfiados os agentes perfuraram a prancha com uma chave de fenda e encontraram a cocaína. O surfista foi preso e contou para a polícia que pagou R$ 5 mil por pouco mais de um quilo da droga, que seria revendida na Holanda.