O presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães, afirmou nesta terça-feira (21) ao Infomoney que o banco bloqueou centenas de milhares de contas após identificar fraudes.

LEIA MAIS – Auxílio emergencial é pago para mais 721,3 mil pessoas em novo ciclo

“Com a implementação rápida que tivemos que fazer para distribuir o auxílio lá no começo, sobraram algumas brechas de segurança. Em maio, em uma janela de dez dias, hackers acessaram milhares de contas. Identificamos todas e já corrigimos os problemas, mas pessoas honestas tiveram suas contas bloqueadas porque tivemos que salvar o dinheiro público”, explicou o executivo.

LEIA TAMBÉM – Decreto atualiza regras pra bandeira laranja em Curitiba e libera academias. Veja o que muda

Cerca de 5% das pessoas que tem direito ao auxílio emergencial de R$ 600 foram afetadas.