O presidente Luiz Inácio Lula da Silva voltou a dizer nesta quinta-feira (23) que o Brasil não está sendo afetado pela crise dos mercados porque o governo fez o que precisava ser feito no passado. "Estamos colhendo os frutos da coragem que tivemos em 2003", discursou Lula no almoço de encerramento do encontro da Associação Brasileira da Infra-estrutura e Indústrias de Base (Abdib). "O que nós estamos colhendo hoje, que pode ser anunciado pelos ministros que vieram aqui, é o resultado de todo o sacrifício que nós fizemos em momentos de muita dificuldade", afirmou.

O presidente disse aos empresários reunidos no encontro que precisou enfrentar os sindicalistas, em seu primeiro ano de governo, que queriam resolver o problema dos operários no primeiro ano de governo, enquanto os empresários queriam que o governo fizesse "tudo o que não tinha sido feito em três décadas". "Nós tomamos a decisão de qualquer pessoa de bom senso tomaria. Primeiro nós temos que arrumar a casa, primeiro nós temos que controlar a economia brasileira, para depois chegarmos à situação que chegamos.