O adolescente de 16 anos que agrediu sua professora de matemática em uma escola estadual de Guaimbê, no interior de São Paulo, será suspenso por seis dias. A medida foi determinada pelo conselho escolar.

A agressão aconteceu ontem, após a professora chamar a atenção do aluno. O rapaz xingou a professora e arremessou uma carteira escolar contra ela. A vítima foi atingida na altura da cintura. Ela passa bem, mas ficará afastada de suas funções para recuperação, segundo a Secretaria Estadual de Educação.

Em nota, a secretaria lamentou a agressão praticada pelo aluno e afirmou que a demonstração de violência foi um caso isolado que não reflete o cotidiano da unidade. O caso foi registrado na delegacia da cidade como ato infracional e lesão corporal.