Agentes da Comissão Investigadora do Crime Organizado (Cico), grupo de elite da Polícia Civil do Piauí, com um mandado de prisão preventiva expedido pela justiça maranhense, prenderam, ontem, o gari Rodrigo Fernandes, de 24 anos, irmão do goleiro Bruno Fernandes Souza, apontado pela polícia como participante do assassinato de Eliza Samudio, ex-amante do atleta.

Acusado pela polícia de estupro e cárcere privado, crimes cometidos há cerca de dois anos na cidade de Coroatá, no centro leste do Maranhão, a 260 quilômetros de São Luís, Rodrigo foi detido em casa, na cidade de Campo Maior, no norte do Estado, a 85 quilômetros de Teresina. O gari passará por exame de corpo de delito no IML somente na manhã de hoje, mas já está encarcerado na sede da Cico.