São Paulo – Em sua edição deste fim de semana, a revista Época revela que os beneficiários da conta de Paulo Maluf no Citibank de Genebra são – além do próprio ex-prefeito de São Paulo – seu filho Flávio, a filha Lina e o marido dela, Maurilio Curi. Os oito quilos de extratos bancários foram enviados pelo governo suíço, a pedido do Ministério Público paulista, que tenta provar que Maluf tem dinheiro no exterior, fruto de superfaturamento de obras na sua última gestão na Prefeitura (1993-1996). O ex-prefeito sempre negou ser titular de contas fora do País.