Os deputados da Comissão Permanente de Fiscalização da Assembléia Legislativa promovem na próxima segunda-feira (dia 22) audiência pública para esclarecer as denúncias relacionadas a negociações envolvendo o Banco Santos.

O objetivo é levantar informações junto a executivos das fundações Copel e Sanepar, que realizavam operações financeiras com a instituição. O Banco Central decretou a liquidação extrajudicial da instituição financeira na última sexta-feira (dia 12) e, desde então, está sob intervenção do BC.

Foram convocados para a sessão: Luís Cesar Miara (ex-presidente da Fundação Copel), Othon Maeder Ribas (ex-diretor-presidente da Fundação Copel), José Roberto Calabrese (ex-diretor presidente da Fundação Sanepar – Fusan), Cláudia Trindade (diretora-presidente da Fusan) e Murilo Batista Ribas (diretor-presidente da Fundação Copel).