Uma chuva forte, acompanhada de raios e ventania, provocou diversos transtornos na quinta-feira em Brasília. Nesta sexta, a situação já está normalizada. Apesar dos estragos, a Defesa Civil informou que não houve vítimas nem registro de desabrigados. Neste ano, o Distrito Federal sofreu uma de suas piores secas e chegou a ficar 126 dias sem chuva.

De acordo com a Defesa Civil do Distrito Federal, o temporal de ontem começou por volta das 16 horas e durou cerca de 40 minutos. Algumas residências ficaram destelhadas, houve corte no fornecimento de luz, árvores caíram e cabos de energia acabaram se rompendo.

As regiões mais atingidas foram Guará e Lago Sul e Samambaia. No Lago Sul, bairro nobre de Brasília, a ventania derrubou árvores e assustou os moradores. Ninguém se feriu e nenhum veículo ou imóvel chegou a ser afetado. No Guará, um raio provocou o destelhamento de casas e o rompimento de cabos de energia elétrica. Para que os bombeiros pudessem trabalhar com maior segurança, a Companhia Energética de Brasília precisou cortar a força, deixando os moradores sem luz.