enkontra.com
Fechar busca

Notícias

Benito Gama e Pellegrino apontam ACM como suspeito à PF

  • Por Jornalista Externo

O ex-deputado Benito Gama (PMDB) apontou em depoimento à Polícia Federal hoje o senador Antonio Carlos Magalhães como suspeito de ser o autor dos grampos telefônicos descobertos na Bahia.

Em depoimento que durou quase quatro horas, Gama disse ao delegado Gesival Gomes de Souza que ?não tem dúvida de que o grupo de ACM e ele, principalmente, são os principais suspeitos”.

Ele afirmou ainda que os ex-governadores César Borges (PFL) e Otto Alencar (PFL) também são suspeitos de participação.

O ex-congressista e vários outros políticos de oposição na Bahia foram vítimas de mais de 200 grampos comprovados pela PF. Além de Gama, também depôs hoje pela manhã o deputado Nelson Pellegrino (PT), também vítima da escuta telefônica.

De acordo com o termo de declaração resultante no depoimento, Pellegrino disse que ?pode afirmar que o esquema de interceptação telefônica clandestina sequer teria sido montado senão houvesse anuência expressa de ACM.” O delegado afirmou que o inquérito deverá estar concluído em 20 dias, apesar de ter prazo até 9 de maio para o término das investigações. Cerca de 20 pessoas ainda deverão ser ouvidas antes de ACM, o último a prestar depoimento.

Gesival afirmou que os depoimentos ajudaram o inquérito a evoluir. No entanto, ele ainda não pode afirmar que o senador será indiciado. ?Não dá para tirar ainda nenhuma ilação sobre qualquer indiciamento. Vamos chegar a uma conclusão somente após ouvir todos os envolvidos”, disse.

Na próxima semana, ele permanecerá todo o tempo na Bahia, onde deverão depor os dez policiais civis envolvidos no caso.

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

Seja o Primeiro a Comentar!


wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas