Uma empresa customizadora de limusines dos Estados Unidos virou especialista em esticar modelos tradicionais de rua. A Imperial Coach Builders já alongou, por exemplo, Hummer H2, VW Kombi e até VW Fusca. Na última semana ela revelou, em sua página no Facebook, a mais recente obra: uma versão estendida do elétrico Nissan Leaf. Para a transformação, o carro acabou cortado em dois para adição de uma área central. No local foi instalado mais um assento traseiro para três pessoas, de costas para os bancos dianteiros, além de espelhos laterais, acabamento em madeira e um “cooler” para o tradicional champanhe.

A empresa não informou se manteve o motor movido por bateria de íon-lítio com 48 módulos compactos, mas explicou que o objetivo foi ir ao encontro das exigências para que as frotas de limusines nos EUA se tornem menos “beberronas” e poluentes. No Leaf normal, a bateria gera 107 cavalos de potência, 28,5 kgfm de torque e velocidade máxima de 150 km/h. A autonomia é de 160 km.

Mais informações

Confira outros trabalhos da Imperial no site www.limoland.com ou www.facebook.com/ELCR.LimoLand.

Divulgação
Volkswagen Kombi.
Divulgação
Leaf cortado.
Divulgação
Leaf interior.
Divulgação
Hummer H2.
Divulgação
Volkswagen Fusca.