ja89a.jpgNo Salão Automóvel de Madrid, que ficará aberto ao público até 4 de junho, a divisão de comerciais leves da Fiat apresentou a nova linha do Ducato. Mas, aquele que é um dos veículos comerciais mais bem-sucedidos da marca, e que conta 1.5 milhão de unidades vendidas desde 1981, foi "ofuscado" por um protótipo com o mesmo nome: o Ducato Truckster.

Criado pelo Centro de Estilo da Fiat e com a colaboração da Bosch SpA, Behr GmbH, SEWS CABIND SpA e Denso Thermal System SpA, este original "concept" conta com 6,48 metros de comprimento, 2,55 m de altura e 2,49 m de largura.

ja89b.jpgÀs proporções generosas juntam-se as rodas de 28 polegadas, "led’s", vidros fumê, portas tipo asa de gaivota controladas hidraulicamente e um "spoiler" aerodinâmico.

De estilo moderno e exuberante, o Truckster certamente pararia o trânsito em meio a inúmeros veículos, por causa de seu tamanho. Esta capacidade para a transformação foi sempre uma característica chave do Ducato, com uma escala enorme de usos possíveis. Se produzido em nosso País, certamente provocaria "briga" entre os pilotos da Fórmula Truck para pilotar esse "caminhão" especial e supermoderno.

A Fiat adianta que o Ducato Truckster é um exemplo do estilo e modularidade do Ducato levado aos extremos. Ou seja, um conceito de esportividade aplicado num veículo comercial.