Mais de seis décadas de produção da consagrada artista plástica curitibana Ida Hannemann de Campos está em cartaz na capital. No átrio da Secretaria de Estado da Cultura do Paraná, é possível visitar a exposição Um olhar feminino, composta de desenhos, pinturas, cerâmicas e tapeçarias de autoria de Ida, que hoje está com 88 anos de idade.

“A exposição é uma homenagem a todas as artistas plásticas de relevância à cultura do Paraná. Ida tem uma trajetória artística de grande importância para o estado e que serve de exemplo.

Ela foi a primeira mulher a realizar uma exposição individual no Paraná, no ano de 1959, na antiga galeria Cocaco, que era um ponto de referência das artes plásticas em Curitiba”, comenta a coordenadora do Sistema Estadual de Museus do Paraná, Eliana Moro Réboli.

Ida iniciou suas atividades artísticas na década de quarenta, pertencendo à escola de Guido Viaro, e ainda se encontra em plena atividade. Atualmente, ela trabalha com pesquisas e realiza produções em ateliê próprio, experimentando diversas formas de expressão através da arte. “Ida nunca parou de produzir. Mesmo depois que casou, também na década de quarenta, e teve filhos, não deixou de trabalhar”.

A artista tem paineis em importantes pontos da capital, como no Asilo São Vicente de Paulo (1996) e na biblioteca da Pontifícia Universidade Católica do Paraná (1994).

Além disso, é autora de muitas obras premiadas, que integram acervos de museus e coleções particulares, e já participou de diversas exposições nacionais e internacionais.

Serviço

Exposição Um olhar feminino, de Ida Hannemann de Campos. Até 21 de maio, no átrio da Secretaria de Estado da Cultura (Rua Ébano Pereira, 240). De segunda à sexta-feira, das 9h às 18h. Entrada franca.