O Espaço Cultural Calamengau está preparando uma homenagem especial às mulheres curitibanas no próximo sábado, dia 11 de março. A festa será regida por nada mais nada menos que a banda As Bastianas, tradicional grupo de mulheres que tocam muito forró, coco, ciranda, maracatu, xote, xaxado e baião. A festa é devido ao Dia Internacional das Mulheres, comemorado nesta quarta-feira (08).

As Bastianas passam pelo sul e sudeste do país numa nova temporada de shows que comemoram os seus sete anos de Estrada. O Show promete ser animadíssimo e apresentar algumas das músicas inéditas do grupo contidas no novo CD Colcha de Retalhos, que será lançado ainda este ano.

Logo depois do Show, a casa recebe a banda Forró Calamengau, num dos mais autênticos shows de forró-de-pé-serra do país.

O Espaço abre às 22 horas, com ingressos promocionais no valor de R$ 12 até às 23h30 e R$ 15 após.

Quem são As Bastianas

Sete anos de estrada. Para muitos pode até parecer que é pouco tempo, mas para as Bastianas, o que mais importa é o percurso feito durante estes anos de existência divulgando as raízes musicais do povo nordestino, no passo do autêntico e bom forró pé de serra, alternado com cocos, cirandas, maracatus e toadas carregadas de nordestinidade. 

Elas completaram mais um ano de vida resistindo a propostas descabidas, num dançar de cadeiras de quem entrou e saiu da roda, porque elas vieram pra ficar independente de quem componha o cenário, pois o mais importante é a proposta e o desejo de mostrar nossos valores culturais, com o prazer e a maestria de quem traz no sangue os nossos ritmos. Das salas de aula da UFPB elas foram conquistando espaço, tocando no maior São João do Mundo junto com grandes nomes, no Circuito do Frio em Pernambuco, no São João em Alagoas, na Bahia e quando viram já estavam em São Paulo, Brasília, Rio de Janeiro, Paraná e Minas Gerais. Então não tinha mais como voltar a apenas brincar de roda, elas agora brincam e Chamam pra Dançar, título este dado ao primeiro CD desse grupo Paraibano que começou seus passos no Centro Histórico da capital e que chegou a vender doze mil cópias. O segredo para isso: talento, graça e persistência! Foram quatro anos morando em São Paulo e viajando os quatro cantos deste Brasil,  divulgando a cultura nordestina através da autenticidade da boa música.

No ano passado o grupo As Bastianas que teve seu trabalho registrado no livro ?Bastianas ? Origem, percalços e percursos: a sanfona ainda não desafinou?, das jornalistas Rejane Negreiros e Andréa Mesquita. Este ano, o grupo se prepara para lançar mais um CD: Colcha de Retalhos. O mais novo trabalho das Bastianas conta com a participação de artistas paraibanos como Cátia de França, Escurinho e Biliu de Campina para mostrar ao mundo o que a Paraíba tem de melhor com grande variedade rítmica e composições que certamente muito vão dar o que falar, como é o caso de ?Ao Rei do Baião?, em homenagem ao nosso mestre maior Luiz Gonzaga, Galope dos Dias, Samba na Casa de Rosa, Tamborete de Forró e Saudosa Solitude, algumas das faixas que dentro em breve já deverão estar tocando nas emissoras de rádio de todo país.
 
Serviço
Data: 11 de março de 2006 (sábado, a partir das 22 horas).
Local: Espaço Cultural Calamengau (Sociedade Vasco da Gama) – Rua Dr.
Roberto Barrozo, 1190. Alto São Francisco ? Curitiba/PR.
Telefones: (41) 3024 4546 e 3338 7766