d83.jpgA turnê nacional de lançamento de Wonderland, o novo CD de Badi Assad (nas lojas a partir desta semana), começou este mês por Brasília, Londrina, São Paulo, Rio de Janeiro, Campinas e Santos. Em maio, é a vez de Belo Horizonte, Diadema e Foz do Iguaçu nos dias 26 e 27.

Nascida em São João da Boa Vista (SP), Badi Assad seguiu desde cedo os passos dos irmãos violonistas Sérgio e Odair (o Duo Assad) ao trilhar carreira musical como violonista e também como cantora, percussionista e compositora.

Iniciou seus estudos musicais com o piano e somente aos 14 anos, quando os irmãos mais velhos já desenvolviam carreira internacional como concertistas, começou a tocar violão para acompanhar o pai, bandolinista. Formou-se em violão no Rio de Janeiro e em 1987 foi eleita a melhor violonista brasileira no Concurso Internacional de Violão Villa-Lobos. Seu primeiro álbum solo foi Dança dos Tons, lançado em 1989. No início da década de 90 apresentou-se em festivais como Free Jazz Festival e Heineken Concerts ao lado de Heraldo do Monte, Raul de Souza, Rapahel Rabello, Dori Caymmi e outros. Nesta época, a experimentação sonora com a voz e a percussão no próprio corpo já eram marcas registradas de seu trabalho. Em 1994, assinou com o respeitado selo Chesky Recors, conhecido por sua grande exigência musical, e gravou o disco ?solo??, que marcou a consolidação de sua carreira internacional. No ano seguinte, lançou Rhythms, muito bem recebido no cenário violinístico, sendo considerado o melhor CD do ano pela revista Guitar Player. Depois vieram Echoes of Brazil (97) e Chamaleon (Verve, 98), aclamado pela crítica internacional e que emplacoui o sucesso Waves nas paradas de vários países europeus, em especial na Alemanha e Espanha, onde ficou à frente de artistas pop como Madonna. Jornais como o Los Angeles Times fizeram críticas entusiásticas: ?Badi Assad redefine o solo de violão! Revelador, uma brilhante exibição de inovação, imaginação e habilidade… quase induzido hipnoticamente!?. Em 1999, Badi afastou-se dos palcos para tratar uma doença que afetou os movimentos de sua mão (distonia focal), cujo tratamento consumiu quase dois anos. Em 2003, já recuperada, lançou o cd Three guitars ao lado de dois dos mais renomados guitaristas de jazz da atualidade: Larry Coryell e John Abercrombie, novamente incensado pela imprensa especializada. De volta ao Brasil, lançou Verde, pela gravadora Deustsche Gramophon, em 2004, o primeiro totalmente concebido e gravado no Brasil.