enkontra.com
Fechar busca

+ Pop

Alanis Morissette retorna ao Brasil em fevereiro

  • Por Redação

Uma das mais premiadas e celebradas cantoras da atualidade, a canadense Alanis Morissette estará de volta ao País neste mês e em fevereiro com a turnê internacional de seu novo disco, Flavors of Entanglement. A turnê, a mais extensa já realizada no Brail, começou em junho de 2008 na Europa, já foi vista também pelos norte-americanos e chega agora à América do Sul.

Em sua última passagem por aqui, em 2003, Alanis se apresentou no Rio de Janeiro e em Brasília. Agora ela passa por Manaus (dia 21 de janeiro, no Studio 5), por Brasília (dia 23, no Ginásio Nilson Nelson), Fortaleza (dia 24 no Siará Hall), Teresina (dia 28, no Atlantic City Club), Recife (dia 30 no Chevrolet Hall), Salvador (dia 31, no Festival de Verão), São Paulo (3/2 no Via Funchal), Rio de Janeiro (4/2, no HSBC Arena), Belo Horizonte (5/2 no Chevrolet Hall), Florianópolis (7/2 no Pachá) e Porto Alegre (10/2 no Pepsi on Stage). Curitiba não está incluída na agenda de shows da cantora.

Flavors of Entaglement é o primeiro disco de estúdio de Alanis em quatro anos. Com seus 10 discos anteriores, incluindo o MTV Unplugged e o álbum The Collection, Alanis vendeu mais de 50 milhões de cópias em todo o mundo e tornou-se uma das mais influentes cantoras e compositoras da geração de artistas surgidas nos anos 90s.

Alanis fez parcerias com Ringo Starr e Dave Matthews Band, entre muitos outros, ganhou sete prêmios Grammy, e teve músicas incluídas em filmes como Dogma, O Diabo veste prada, De-Lovely, As Crônicas de Nárnia e Cidade dos Anjos (estes últimos lhe valeram duas indicações ao Globo de Ouro de Melhor Canção Original).

Como atriz, participou de Sex and the City e Curb Your Enthusiasm, de três episódios do seriado Nip/Tuck. No palco, Alanis estrelou Monólogos da Vagina e a peça off-Broadway The Exonerated. Recentemente, Alanis terminou sua primeira participação como atriz principal no papel de Sylvia, na adaptação para o cinema do livro de Philip K Dick, Radio Free Albemuth.

No ano passado, Alanis lançou uma das performances mais memoráveis de sua carreira, uma hilariante paródia de My Humps, do Black Eyed Peas. Sensação no YouTube, teve mais de 12 milhões de acessos, como um dos vídeos mais baixados de 2007. Alanis ainda encontra tempo especialmente para apoiar causas e organizações ambientais, como a Reverb, uma ONG que ajuda músicos e fãs de músicos a buscar sustentabilidade ambiental através de iniciativas de neutralização de emissões de carbono. A cantora foi uma das primeiras artistas a ter o material de seu CD e DVD Feast on Scraps em papel reciclado. Seu ônibus de turnê roda com biodiesel. Suas paixões incluem também as questões femininas e os direitos dos artistas.

Biografia

Uma dúzia de anos após a incrível estréia de Jagged Little Pill, um álbum que ganhou quatro prêmios Grammy e conquistou uma dedicada legião de fãs ao redor do mundo, Alanis Morissette continua uma artista extremamente popular, cujo sucesso se sustenta em um compromisso com a autenticidade e, em igual extensão, com a vulnerabilidade. Ambas as qualidades permitiram Alanis se elevar a um novo patamar com seu novo álbum, Flavors of Entanglement, lançado pela Warner Music.

Nascida e criada em Ottawa, Canadá, Alanis Morissette tocou piano, compôs músicas e descobriu um amor pelas palavras e pela dança desde cedo. Com singles de grande sucesso como You Oughta Know, Head Over Feat, Hand in My Pocket e Ironic, Jagged Little Pill se tornou o álbum de estréia mais vendido de uma artista feminina nos EUA, e o álbum de maior venda no mundo. Indicado a seis prêmios Grammy, incluindo os de Artista Revelação e de Música do Ano (You Oughta Know), Jagged Little Pill ganhou quatro troféus: &Aa,cute;lbum do Ano, Melhor Álbum de Rock, Melhor Música de Rock e Melhor Performance Vocal de Rock Feminino (You Oughta Know). Em 1997, um quinto Grammy – de Melhor Versão Longa de Vídeo Musical – foi concedido a Alanis, por Jagged Little Pill Live.

Seu álbum seguinte, Supposed Former Infatuation Junkie, de 1998, estreou em 1.º na parada Billboard 2000, estabelecendo recorde de vendas na primeira semana de quase 470 mil cópias. Morissette conquistou mais dois Grammys: Melhor Música de Rock e Melhor Performance Vocal de Rock Feminino, pela balada rock Uninvited, que ficou em 1.º na parada Top 40 Mainstream da revista Billboard. O single Thank U, indicado ao Grammy, também chegou ao 1.º da parada Adult Top 40 e a 2.º da Top 40 Mainstream, da revista.

A série acústica da MTV, Unplugged se rendeu ao Alanis Unplugged em 1999. Anos depois que o mundo foi impactado pela primeira vez por Alanis Morissette, uma artista mais madura se mantém comprometida com seu caminho criativo e agradando a milhares de fãs em todo o mundo. Mais informações da cantora no site: www.alanis.com.

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

Seja o Primeiro a Comentar!


wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas