O volante Washington, do Joinville, deve ser o próximo reforço do Palmeiras. Nesta quinta-feira, o presidente do clube catarinense, Nereu Martinelli, confirmou o acerto – a diretoria do Palmeiras afirma apenas que as negociações estão avançadas. A negociação está sendo conduzida entre o time dirigido por Dorival Júnior e o Penapolense, detentor dos direitos do jogador.

“A negociação foi feita no final da noite de quarta-feira. O Washington tem vínculo com a Penapolense e havia uma cláusula para rescisão direta. Desejamos sorte ao atleta na carreira”, disse presidente do clube catarinense à rádio 89 Esportes, de Joinville.

Washigton é um volante tradicional, possui grande poder de marcação, rouba a bola com facilidade e faz o passe para os meias de criação. Por outro lado, ele se aproxima pouco do ataque. Costuma sempre guardar a posição de proteger os zagueiros. Ele disputou 27 partidas pelo Joinville – 24 delas pela Série B, mas não marcou nenhum gol. Após sua apresentação no início da Série B, Washington conquistou gradativamente uma vaga entre os titulares, mas perdeu espaço depois da chegada de Anselmo.

Se a negociação for concretizada, Washington deve ser o reserva imediato de Marcelo Oliveira e Victor Luis. Além disso, vai preencher um setor bastante prejudicado por causa de lesões. Eguren está no departamento médico, Marcelo Oliveira e Bruninho estiveram fora por problemas musculares. Tem boas chances de atuar porque Renato sofreu uma lesão muscular e ficará inativo por um mês.