Caio Jr: campanha invejável.

Iraty e Cianorte se enfrentam pela primeira vez na história. E o encontro inicial já é decisivo. Quem ganhar o jogo marcado para as 15h30, em Irati, vai se aproximar das semifinais do campeonato paranaense.

As duas equipes crêem que a primeira vaga do grupo C será do Atlético, que soma sete pontos. Por isso, brigam pela segunda. Hoje, o Cianorte está mais perto de agarrá-la: soma seis pontos contra cinco do concorrente. Há desfalques por cartões amarelos nos dois lados. O artilheiro do Iraty, Adriano (sete gols), será substituído por Flávio. No adversário, o meia Reginaldo dá vez a João Hen-rique.

O técnico do Azulão, Paulo Campos, torce para que o joelho direito de André Luís o deixe jogar. A persistir a lesão do meia, Alexandre será escalado.

No Cianorte, Caio Júnior recoloca o zagueiro João Renato e os volantes Cuca e Marcelo Lopes. Os dois primeiros estavam suspensos. Marcelo Lopes, por sua vez, não acusa mais dores na coxa esquerda.

Preocupação

Em função do caráter decisivo do confronto, o técnico Caio Junior passou a semana estudando as táticas usadas pela equipe de Irati no paranaense. “Todo cuidado é pouco. O Iraty cresceu muito durante a competição e temos que nos cuidar. A classificação para semifinal estará em jogo e contra um adversário muito forte”, diz.

O que mais preocupa o treinador são as jogadas aéreas do Iraty. “Eles colocam muita bola alta na área e temos que ficar atentos para não sofrermos o gol”, comenta. Caio tem alertado o elenco quanto a importância da partida e, para ele, o empate é um grande resultado para o Cianorte.