Depois da 35ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B, restam três jogos para os vinte times. Já tem gente sem motivação, mas há dois grupos em disputas eletrizantes – os que sonham em subir para a primeira divisão e os que lutam para escapar do rebaixamento. Na parte de cima, Coritiba Paraná Clube seguem na disputa. Na parte de baixo, o Londrina vive a pior fase dos últimos anos.

+ Confira a classificação completa da Série B!

Neste momento, a disputa pela Série A tem, a rigor, duas vagas – líder absoluto com 71 pontos, o Bragantino já subiu. O Sport, com 63, depende só da matemática para festejar a volta à elite do futebol brasileiro. Após a vitória sobre o Brasil de Pelotas, o Coritiba seguiu com a terceira posição e passou a ter 74% de chances de acesso, de acordo com o Infobola, do matemático Tristão Garcia. Neste sábado (12), o Coxa recebe o Oeste no Couto Pereira.

Fora do G4, o Paraná ocupa a sexta posição, com 54 pontos, e neste momento tem 15% de chances de voltar à primeira divisão. Além de fazer sua parte, principalmente na Vila Capanema, ainda precisa contar com tropeços adversários. Nesta sexta (15), o Tricolor encara o Atlético-GO em uma partida decisiva. Nesta briga, estão também o próprio Atlético-GO, além de América-MG, CRB e Cuiabá. Com a derrota para o Bragantino, o Operário não tem mais chances de acesso. A próxima partida do Fantasma será no sábado (16), às 16h30, contra o Guarani, em Campinas

Na luta para fugir do rebaixamento, o Londrina entrou na zona de rebaixamento após a derrota para o Criciúma. Agora, o Tubarão tem 79,9% de risco de ficar entre os quatro piores da Série B – o cálculo é dos matemáticos da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Neste sábado, o LEC é obrigado a vencer o Botafogo no estádio do Café.

Números mágicos

Ainda segundo a UFMG, neste momento a pontuação que garante com 100% de certeza o acesso é 65 pontos. Mas se um clube atingir 63, a possibilidade supera 99% – portanto, este pode ser considerado o ‘número mágico’ para Coritiba e Paraná.

A situação é a mesma na parte de baixo da tabela. Com 47 pontos as equipes não correm risco algum de rebaixamento. Mas é possível dizer que com 44 pontos o Londrina escapa da degola – quer dizer, só ganhando as três partidas que restam.