A seleção russa confirmou o favoritismo e derrotou a Nova Zelândia por 78 a 56, nesta segunda-feira, em Istambul, pelas oitavas de final no Mundial de basquete da Turquia. Com o resultado, a Rússia avança às quartas, nas quais enfrentará o poderoso time dos Estados Unidos, grande favorito ao título.

Apesar da considerável diferença no placar a favor dos russos, a primeira metade da partida foi equilibrada, com ambas as equipes fazendo boa defesa e tendo bom aproveitamento no ataque. No entanto, a partir do terceiro quarto, os russos aproveitaram a maior qualidade técnica de seus jogadores e dispararam à frente.

O grande mérito da seleção europeia ficou por conta dos rebotes. Foram 41 para a Rússia, contra apenas 25 dos neozelandeses. O pivô Andrey Vorontsevich foi o maior reboteiro da partida, com 11, além de ter marcado 18 pontos.

Por parte da Nova Zelândia, o destaque foi novamente o ala Kirk Penney, segundo maior cestinha da competição, atrás do argentino Luis Scola. Ele foi o principal pontuador do confronto, com 21, além de ter anotado três rebotes e duas assistências.

Com a vitória, os russos vão à quadra novamente na próxima quinta-feira, pelas quartas de final do Mundial, ao meio-dia (horário de Brasília), quando enfrentam os norte-americanos, que no primeiro jogo desta segunda atropelaram Angola por 121 a 66.