enkontra.com
Fechar busca

De Letra

Quebra de motor rouba pódio de Bruno Senna

  • Por Nelson Comel, Cma

A quebra de motor quando restavam menos de 60 minutos para o encerramento da prova roubou o pódio de Bruno Senna nas 6 Horas do Bahrein, oitava e última etapa do Mundial de Endurance. Num fim de semana para ser esquecido pela Aston Martin, que chegou ao Oriente Médio na liderança dos campeonatos de equipes e pilotos e ficou pelo caminho por causa do mesmo problema em seus dois carros, o italiano Gianmaria Bruni – desta vez em parceria com o finlandês Toni Vilander – venceu a prova e se sagrou campeão, elevando a escuderia de Maranello à ponta da tabela entre os fabricantes.

Velozes

Entre os protótipos LMP1, os mais velozes das quatro categorias da série organizada pela FIA, o Toyota TS030-Hybrid do trio Stéphane Sarrazin-Sébastien Buemi-Anthony Davidson levou a melhor na corrida.

Bruno alinhou o Vantage V8 da Aston Martin na quinta colocação do grid da classe GTE Pro e o carro nunca pareceu em condições de ameaçar os Porsche 911 RSR e as Ferrari F458.

O plano de ajudar os companheiros Stefan Mücke e Darren Turner a confirmar o favoritismo e garantir uma conquista sonhada pela casa inglesa no ano de seu centenário não pôde ser implementado pelo ritmo mais lento que o modelo exibiu no circuito de Sakhir.

Além disso, a pane nos motores – Mücke e Turner foram os primeiros a abandonar – jogou a derradeira pá de cal na ambição da equipe.

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

Seja o Primeiro a Comentar!


wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas