O Paraná Clube negocia a contratação do atacante Gustavo Mosquito para a temporada 2020. Revelado pelo rival Coritiba, Mosquito tem contrato com o Corinthians até dezembro de 2022 e viria por empréstimo ao Tricolor por um ano.

O diretor de futebol paranista, Alex Brasil, disse que gostaria do contar com o atleta, principalmente porque já conhecê-lo da época em que trabalhava no Coritiba. “É um jogador interessante, já conheço do tempo do Coritiba e se for desta forma, com o Corinthians cedendo, melhor ainda”, declarou. Natural de Curitiba, Mosquito será pai em breve e pesa a situação familiar.

+ Leia mais: Conselho do Paraná Clube estuda projeto de novo estádio R$ 400 milhões

Revelado no Coxa, Mosquito pode ser considerado o primeiro revés da gestão de Samir Namur. O mandatário não conseguiu renovar o contrato do atleta, então considerado a maior promessa da base alviverde.

+ Leia também: Jogadores aprovados, quem pode melhorar e quem não vai fazer falta

Para renovar o contrato do jovem, o presidente Samir Namur, em 2018, chegou a oferecer um salário cinco vezes maior do que o jovem recebia.

Mosquito pertence ao Corinthians e já foi emprestado para Vila Nova e Oeste. Foto: Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians

Em maio de 2018, após imbróglio que foi parar até mesmo na Justiça, o Corinthians fechou pré-contrato com o atacante. Em outubro daquele ano, o jovem foi apresentado no clube paulista.