As duas derrotas seguidas – Atlético Paranaense e Goiás – aproximaram novamente a Portuguesa da zona de rebaixamento, tanto que a partida desta quarta-feira contra o Criciúma, às 21 horas, no estádio Heriberto Hülse, em Criciúma (SC), pela 29.ª rodada do Campeonato Brasileiro, ganhou status de decisão.

A Portuguesa está na 14.ª colocação, com 34 pontos, dois a mais que o Criciúma, o primeiro da zona de rebaixamento. Por isso, o time rubro-verde pode voltar para a área de risco em caso de derrota, desde que São Paulo e Coritiba ganhem ou empatem contra Náutico e Ponte Preta, respectivamente.

“Sabemos das dificuldades que vamos encontrar lá em Criciúma, um time que também está lutando contra o rebaixamento e vai contar com o apoio da torcida. Mas esperamos o que todo time espera quando entra em campo: ganhar”, afirmou o técnico Guto Ferreira.

O único desfalque é o capitão Valdomiro, que recebeu o terceiro cartão amarelo contra o Atlético e cumpre suspensão automática. O substituto do zagueiro ainda não foi definido – Lima é o favorito – pelo treinador, que adotou o mistério e disse que vai revelar os titulares apenas momentos antes do time entrar em campo.

Vetado em cima da hora na última rodada, o atacante Gilberto será mais bem avaliado pelo departamento médico. Se não der, Henrique vai para o jogo.