Não será desta que vez que o espanhol Rafael Nadal quebrará o seu jejum de títulos, que já dura desde maio do ano passado. Neste sábado, o ex-número 1 do mundo chegou a fazer um bom início de partida contra o croata Ivan Ljubicic, pelas semifinais do Masters 1000 de Indian Wells, na Califórnia. Mas Nadal caiu de rendimento e acabou levando a virada por 2 sets a 1, com parciais de 3/6, 6/4 e 7/6 (7/1).

Em 2h34 de jogo, Nadal foi irregular e chegou a mostrar desconcentração no fim da partida, quando entregou com facilidade a vitória para Ljubicic no tie-break. No começo do confronto, porém, era o croata que não tinha uma boa atuação. Com duas quebras, o espanhol fechou a parcial com tranquilidade. Mas a reação do número 26 do mundo veio no segundo set.

Atual número 3 da ATP, posto aliás que perderá para o escocês Andy Murray no próximo ranking, Nadal chegou a criar cinco chances de quebra, mas viu Ljubicic salvar o seu saque em todas as oportunidades. Assim, o croata precisou desbancar o serviço do rival apenas uma vez para empatar o placar e embalar na partida, se mantendo seguro até confirmar a vitória.

Apenas o 20.º cabeça de chave no piso duro de Indian Wells, Ljubicic agora espera pelo vencedor da outra semifinal, entre o norte-americano Andy Roddick e o sueco Robin Soderling. Além da Nadal, terceiro favorito do torneio, o experiente croata, de 31 anos, já eliminou também na Califórnia o sérvio Novak Djokovic, segundo cabeça e número 2 do mundo.

Na decisão de Indian Wells, Ljubicic vai em busca do seu primeiro título em Masters. O tenista já fez três finais de torneios deste nível, sendo a última em Miami, em 2006, mas foi derrotado em todas as oportunidades.