Depois do bicampeonato brasileiro, do título estadual e do vice da Copa do Brasil, Marcelo Oliveira avisa que quer mexer em time que está ganhando. O treinador do Cruzeiro pretende fazer ajustes no elenco para a próxima temporada, quando a equipe disputará novamente a Copa Libertadores.

“Um elenco que se repete muito tende a ficar confortável. Podemos trocar três ou quatro peças para gerar nova concorrência. Talvez na Libertadores precisemos de jogadores experientes”, afirma o técnico, que já projeta o próximo ano, após encerrar a temporada com a vitória por 2 a 1 sobre o Fluminense, no Mineirão.

Para manter a força do elenco cruzeirense, Marcelo diz torcer pela permanência do diretor de futebol, Alexandre Mattos, cotado para reforçar a diretoria do Palmeiras em 2015. “Acho que é fundamental a presença do Alexandre (Mattos), acho que é difícil achar um diretor competente como ele neste momento. O Cruzeiro deveria fazer um esforço para ele continuar com a gente”, pediu.

Apesar de mencionar mudanças em “três ou quatro peças”, Marcelo citou apenas um nome de seu interesse para o ano que vem: Leandro Damião. “Cabe ao técnico estar monitorando, pegando referências. Dentre eles, está o Leandro Damião também. As diretorias têm que se resolver. Não precisa nem se consultar para saber que o Leandro Damião é um definidor de jogadas. Sabemos que é um grande atacante. Embora não viva um bom momento, poderia ajudar a qualquer equipe”, revelou.

O futuro de Damião e de outros jogadores do Cruzeiro serão definidos nas próximas semanas. Enquanto os jogadores entram em férias, a comissão técnica vai trabalhar para fazer os ajustes no elenco. “Vamos tentar fazer um 2015 ainda melhor para o nosso torcedor”, disse Marcelo. O grupo do Cruzeiro vai se reapresentar somente no dia 07 de janeiro de 2015.