Um mês de treinos, dois amistosos. O Botafogo não tem desculpas para não chegar bem para a estreia no Campeonato Brasileiro, no próximo domingo, contra o Palmeiras. A fase final de preparação começou nesta segunda-feira com uma atividade física no CT João Saldanha. Na terça, a delegação viaja rumo a Porto Feliz, no interior de São Paulo, para uma intertemporada.

“O Botafogo está preparado, ainda mais com esse período de um mês para treinos. Deu para acertar a equipe. Estamos bem preparados fisicamente para fazer uma boa estreia”, garante Jefferson, lembrando os intensivos treinos físicos aos quais o grupo foi submetido nas últimas semanas.

Com a equipe forte desde a abertura do Brasileirão, o Botafogo quer aproveitar o momento para brigar pelo título desde o início, sem ter que correr atrás do prejuízo durante a competição. “O principal é sair na frente. Se ficar dez pontos atrás do líder, é difícil alcançar. É preciso estar sempre no bolo, ter gordura para queimar lá na frente. Quem quer ser campeão, tem que buscar os três pontos dentro e fora de casa”, comenta o goleiro.

Durante parte da competição, o Botafogo pode ter o desfalque de Jefferson, mas por uma boa razão. O goleiro vive a espera de jogar a Copa América com a seleção brasileira. “A expectativa é grande para a convocação para amistosos e para a Copa América. Fico meio dividido entre Botafogo e seleção brasileira, que é o sonho de qualquer atleta.”

Expulso com oito minutos no amistoso de sábado contra o América-MG, Jefferson já permitiu que o Botafogo simulasse o time sem ele. Renan entrou e foi bem no gol alvinegro