Figueirense e Ceará entraram em campo nesta terça-feira para uma “decisão”, já que só a vitória interessava para ambos continuarem sonhando com o acesso. E foi recompensado quem lutou até o fim. Aos 47 minutos do segundo tempo, Zé Roberto marcou e garantiu a vitória para o time catarinense por 2 a 1, de virada, no estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis, pela 25.ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B.

Esta foi a segunda vitória seguida do Figueirense – bateu o Paraná no último final de semana -, que chegou aos 35 pontos e subiu para a oitava colocação, passando o próprio Ceará, nono com a mesma pontuação. O time cearense vinha embalado por três vitórias seguidas.

O Figueirense começou o jogo pressionando e quase abriu o placar logo no primeiro minuto, quando Pablo recebeu cruzamento e bateu de primeira. Jaílson defendeu em cima da linha e a defesa aliviou o perigo. Depois do susto, o time visitante conseguiu equilibrar a partida. Aos 26 minutos, Mota dominou livre de marcação dentro da área e chutou rasteiro. A bola passou por baixo de Tiago Volpi e foi morrer no fundo das redes, para festa dos cearenses presentes no Orlando Scarpelli.

Em vantagem, o Ceará procurou se defender e explorar os contra-ataques. Logo aos quatro minutos do segundo tempo, Potiguar se desentendeu com Douglas Marques e foi expulso, deixando o time de Fortaleza com um homem a menos. O Figueirense precisou de sete minutos para fazer valer a vantagem numérica e chegar ao empate. Maylson recebeu cruzamento, dominou no peito e bateu no canto.

Os donos da casa ainda quase viraram em bola cruzada, mas Jailson fez linda defesa, com as pontas dos dedos. Satisfeito com o empate, o Ceará abusou da cera nos minutos finais e foi castigado aos 47. Zé Roberto aproveitou falha da defesa, driblou o goleiro e tocou para o gol.

Os dois times voltam a campo na próxima terça, pela 26ª rodada. O Figueirense enfrenta o Boa, às 21h50, no estádio Dilzon Melo, em Varginha (MG). Em Fortaleza, o Ceará recebe o Icasa, às 19h30, na Arena Castelão.

FICHA TÉCNICA

FIGUEIRENSE 2 x 1 CEARÁ

FIGUEIRENSE – Tiago Volpi; William Cordeiro, Nirley, Douglas Marques e Wellington Saci; Nem, Luan (Maylson), Rodrigo (Rennan Oliveira) e Zé Roberto; Marcelo Toscano (Jonatan) e Pablo. Técnico: Vinícius Eutrópio.

CEARÁ – Jailton; Marcos, Diego Ivo, Potiguar e Hélder Maurílio; João Marcos, Ricardinho e Rogerinho (Robério); Mota, Léo Gamalho (Xaves) e Magno Alves (Douglas). Técnico: Sérgio Soares.

GOLS – Mota, aos 26 minutos do primeiro tempo; Maylson, aos 11, e Zé Roberto, aos 47 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS – Douglas Marques e Maylson (Figueirense); Robério (Ceará).

CARTÃO VERMELHO – Potiguar (Ceará).

ÁRBITRO – Márcio Chagas da Silva (RS).

RENDA – R$ 33.155,00.

PÚBLICO – 3.162 pagantes (3.416 no total).

LOCAL – Estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis (SC).