Depois de ser forçado a perder cinco posições no grid de largada para ajudar seu companheiro de Ferrari, Fernando Alonso, a manter-se vivo na disputa pelo título, Felipe Massa classificou o quarto lugar no GP dos EUA, hoje, como sua melhor corrida na temporada.

“Sem dúvida foi minha melhor corrida e, não fosse o fato de ter largado em 11º, eu poderia ter lutado pelo pódio”, disse o piloto brasileiro, que chegou logo atrás de Alonso, o terceiro -Lewis Hamilton venceu a prova e Sebastian Vettel chegou em segundo.

“Eu acabei ganhando só uma posição na largada, mas foi uma corrida muito boa e estou muito feliz com o resultado. Foi como uma vitória para mim”, disse Massa.

Segundo o brasileiro, a boa apresentação no Texas o dá ainda mais motivação para a corrida do próximo final de semana, em Interlagos, última etapa do Mundial de F-1 deste ano.

“Vou para o Brasil agora com toda a vontade de fazer o melhor em casa, diante da minha torcida. É um circuito que eu adoro, onde já ganhei duas vezes, fiz três poles e agora é torcer para termos um carro competitivo para que a gente possa lutar pelo menos por um pódio”, completou o ferrarista.