Felipe Massa tem boas chances de seguir na Ferrari em 2014. Se depender do chefe da Ferrari, Stefano Domenicali, o brasileiro tem todas as condições de renovar seu contrato por pelo menos mais um ano. Só precisa manter a regularidade na temporada, como tem feito desde o início do ano.

“Apesar de tudo que disseram, Felipe continua conosco. Se ele continuar correndo como tem feito, não vejo nenhum problema para o futuro. Estou absolutamente tranquilo quanto a nossos pilotos para 2014”, declarou o dirigente, em entrevista exclusiva ao jornal O Estado de S.Paulo.

Massa recuperou o crédito com a diretoria da equipe italiana a partir do segundo semestre do ano passado, quando emplacou uma boa sequência de resultados. Chegou a superar o companheiro Fernando Alonso, bicampeão mundial, em quatro treinos classificatórios seguidos, entre o fim de 2012 e o início da atual temporada.

 

Ele terminou o ano passado com o pódio no GP do Brasil. Neste ano, o brasileiro já subiu ao pódio, no GP da Espanha, e só não somou pontos em duas das seis etapas disputadas até agora. Massa passa no momento pelo seu momento mais difícil do ano, por causa das duas batidas sofridas no GP de Mônaco.

 

No sábado, ele voltou a se envolver em um acidente, na sessão classificatório do GP do Canadá. E acabou ficando distante das primeiras posições no grid de largada na corrida deste domingo. Sairá somente da 16ª colocação.

Stefano Domenicali destacou ainda que a escalação dos pilotos para a temporada 2014 é a menor das preocupações da Ferrari, por causa das grandes mudanças que a Fórmula 1 sofrerá no próximo ano. “Essa é uma das soluções mais fáceis a serem tomadas quanto à próxima temporada. Complexo é o desafio técnico que enfrentamos com tantas mudanças e sem poder realizar testes. Vamos chegar no início do próximo ano com várias incógnitas”.