Apesar da diretoria do Coritiba ainda acalentar a possibilidade de contar com o líbero/volante Rodrigo Mancha durante todo o ano, a GR2 (agência que administra a carreira do atleta) garante que não há mais essa possibilidade.

De acordo com a assessoria de imprensa da empresa, Mancha cumpre o contrato até 11 de julho e se apresenta ao Santos. No entanto, ainda há a possibilidade de um acordo entre os clubes para que o jogador seja liberado antes para não vestir a camisa alviverde no Brasileirão, o que impediria a participação dele na competição pelo Peixe.

Por enquanto, o clube paulista não fez nenhuma proposta que chegasse aos anseios dos dirigentes do Coxa para fazer essa liberação. Além disso, Mancha está programando um direito de resposta a alguns torcedores, que estão colocando em xeque a sua idoneidade em fóruns e sites na internet.

Isso porque na próxima fase da Copa do Brasil poderá haver um confronto entre Coritiba e Santos (caso eliminem Bahia e CSA, respectivamente). O jogador garante que está focado no clube e que vai cumprir o contrato com o mesmo afinco que sempre tem mostrado enquanto defende o Coxa.