As três vitórias seguidas na Série B do Campeonato Brasileiro devolveram um pouco da tranquilidade para o Coritiba. Instável no começo do segundo turno, o time coxa-branca já errou tudo o que tinha para errar e, se quiser voltar à primeira divisão, sabe que não pode mais falhar nesta reta decisiva. Se conseguir repetir isso no duelo de sábado (19), diante do Vila Nova, às 16h30, no Serra Dourada, o Verdão tem boas chances de voltar com pontos na bagagem de Goiânia.

Se não tem feito grandes apresentações, o Coxa, sob o comando do técnico Jorginho, conseguiu quatro vitórias em cinco partidas, minimizou os erros e voltou definitivamente ao G4 da competição. O time parece ter compreendido o espírito da Série B e entendeu, sobretudo, que os três pontos valem muito mais do que qualquer atuação de encher os olhos.

+ Já ouviu o podcast sobre os ‘famosos quem’ do futebol paranaense?

“Nesse momento a gente precisa se afastar do grupo que está brigando pelo G4 e já nos aproximamos do Atlético-GO”, apontou o treinador.

Diante do São Bento, em Sorocaba, na última rodada, o Coritiba até conseguiu fazer um bom primeiro tempo. Talvez os melhores 45 minutos da era Jorginho. Mas recuou demais na etapa final, tomou um gol e levou um sufoco desnecessário do lanterna da Série B. Contra o Vila Nova, o Coxa deve ter pela frente um duelo parecido, já que enfrenta uma equipe que também está na zona de rebaixamento e em crise.

Em meio a essa reta decisiva da Série B, Jorginho ainda está em fase de conhecimento do elenco. Tem feito algumas mudanças e dado oportunidades para jogadores que estavam esquecidos pelo ex-treinador Umberto Louzer. Se está certo ou não, o técnico tem a seu favor o bom rendimento até agora. Tem 80% de aproveitamento e, se mantiver esses números, conseguirá levar o Verdão de volta para a primeira divisão.

+ Confira a classificação completa da Série B!

Os números também jogam a favor do Alviverde nestas últimas partidas. Com o bom aproveitamento recente, o Coritiba se reaproximou do Atlético-GO. Está somente a dois pontos do Dragão e tem um jogo a mais para disputar, diante do Cuiabá, no dia 29, fora de casa. Assim, o índice de 59% de chances de acesso que sustenta pode aumentar ainda mais se conseguir voltar com pontos na bagagem de Goiás.

Em um cenário ideal, o Coxa, se conseguir vencer os goianos, chegará aos 49 pontos e, nas nove partidas que vão faltar, precisará de mais quatro vitórias para conseguir o tão sonhado e necessário retorno à elite do futebol nacional.

Leia mais:

+ Coxa vai pra Goiânia com novidades na delegação
+ Coritiba tenta manter a estabilidade no G4 da Série B
+ Regulamento do Campeonato Paranaense vai mudar pra 2020