O Coritiba assumiu a responsabilidade de vencer o clássico contra o Paraná Clube, neste sábado (8), às 18h, no Estádio Couto Pereira. Não que viva um momento muito melhor que o rival, mas o Coxa vai jogar de novo com o Alto da Glória lotado e é também um dos grandes clubes da competição nacional. O meia-atacante Rafinha assumiu esse status para o primeiro clássico do Verdão na disputa da Série B do Campeonato Brasileiro.

“Se a gente vencer no sábado, conseguiremos duas vitórias e um empate em três jogos. Poucos times conseguem isso. O Paraná vem de um empate em casa onde esperava vencer. Então, eles vêm aqui na nossa casa tentar a vitória. A responsabilidade é toda nossa. Vamos jogar dentro de casa, com o estádio lotado. Quem está jogando aqui sabe da responsabilidade. Porque jogar com essa camisa temos sempre que vencer, independentemente do adversário. A responsabilidade é maior e temos a consciência do que fazer para conseguir a vitória sábado”, apontou o ídolo alviverde.

+ Leia mais: Clássico pode ser a redenção para jogadores de Coritiba e Paraná

Os dois times chegam para o clássico Paratiba vindo de empates. No entanto, são situações diferentes, já que do lado do Coritiba, o resultado colhido diante do América-MG, fora de casa, foi valorizado pelos jogadores alviverdes.

“Vejo de forma positiva. Mas se perguntar se estou satisfeito eu digo que não. Poderíamos ter saído com a vitória. Contra o Atlético-GO foi equilibrado. Então, dividimos um ponto. Contra o CRB, quando perdemos, contra o Londrina e agora contra o América-MG, poderíamos ter saído com a vitória. Lamentamos esses resultados, mas vejo de maneira positiva esse ponto e pode fazer a diferença na frente”, emendou o zagueiro Alan Costa.

+ Confira a classificação completa da Série B

O defensor lembrou ainda que o Coritiba, nesta temporada, não perdeu nenhum clássico. Pelo Campeonato Paranaense, o Coxa tem uma vitória e um empate contra o Athletico, ambos na Arena da Baixada, e uma vitória contra o Paraná, no duelo realizado no Estádio do Pinhão, em São José dos Pinhais. Isso aumenta a responsabilidade da equipe para o Paratiba pela Série B.

“Nesse ano ainda não perdemos clássicos. A torcida já bateu o recorde do ano passado de toda a Série B. A responsabilidade é nossa sim. Temos que vencer em casa, propor o jogo e procurar a vitória de uma forma boa. É um clássico que todos gostam de jogar. Movimenta a cidade. Não podemos perder pontos para times que estão atrás de nós. Se a gente ganhar, entra no G4. É um jogo importante, decisivo e que pode nos dar uma direção na tabela muito boa”, concluiu Alan Costa.