O Brasil sofreu contra a Angola mas, graças a uma duvidosa marcação do árbitro, conseguiu vencer por 86-83 (parcial 33-37) na prorrogação, e manter-se invicto no Campeonato Mundial-2002 de basquete, realizado em Indianápolis.