A Federação Internacional de Judô (IJF) divulgou nesta semana a última atualização do ranking mundial antes do World Masters, terceira competição mais importante da modalidade, disputado na cidade russa de Tyumen entre os dias 22 e 26 deste mês. De acordo com a lista, 22 atletas brasileiro estarão distribuídos nas chaves das 14 categorias, já que integram o top 16 em seus pesos.

Além do alto número de representantes, o Brasil também alcançou feito inédito no World Masters. Pela primeira vez, três atletas irão integrar a mesma categoria de peso na competição. Finalistas no Grand Slam de Baku deste final de semana, Walter Santos e David Moura pularam para a décima e oitava colocações, respectivamente, e garantiram vaga na disputa entre os peso pesados junto ao número dois do mundo, Rafael Silva.

Com 22 atletas classificados, o Brasil será o segundo país com o maior número de representantes no World Masters, atrás apenas do Japão, com 30. Em terceiro aparece a Rússia, com 18 judocas.

Os brasileiros

Feminino

Ligeiro: Sarah Menezes (1.ª) e Gabriela Chibana (16.ª)

Meio Leve: Érika Miranda (4.ª) e Eleudis Valemtim (13.ª)

Leve:
Rafaela Silva (4.ª) e Ketleyn Quadros (13.ª)

Meio Médio: Katherine Campos (14.ª)

Médio: Maria Portela (5.ª)

Meio Pesado: Mayra Aguiar (2.ª)

Pesado: Maria Suelen Altheman (2.ª) e Rochele Nunes (14.ª)

Masculino

Ligeiro: Felipe Kitadai (5.º) e Diego Santos (16.º)

Meio Leve: Luiz Revite (12.º)

Leve: Bruno Mendonça (10.º) e Marcelo Contini (15.º)

Meio Médio: Victor Penalber (1.º)

Médio: Tiago Camilo (7.º)

Meio Pesado: Renan Nunes (5.º)

Pesado: Rafael Silva (2.º), Walter Santos (8.º) e David Moura (10.º)