Rogério Correia pode reaparecer hoje no Atlético.

O Atlético abre hoje a temporada de caça à Raposa e aos primeiros lugares do campeonato brasileiro.

Na décima colocação na classificação geral, mas apenas três pontos atrás do líder, o Rubro-Negro quer a vitória contra o Cruzeiro para provar que a goleada sobre o Corinthians não foi mera coincidência. A partida contra os mineiros está programada para as 18 horas e traz novidades como o retorno de Alan Bahia, Rogério Correia e Washington, transmissão digital pela televisão, a bateria da torcida organizada Os Fanáticos e nova setorização das arquibancadas da Arena.

No entanto, o que mais deverá chamar a atenção do torcedor será a escalação do Furacão. O técnico Levir Culpi passou a semana testando várias formações e mantém o mistério até momentos antes da partida. Ele colocou a equipe para trabalhar no 3-5-2, 4-3-3 e até o inédito, no clube, 3-4-3. Tudo isso para complicar a vida do adversário.

A principal dúvida de Levir está em utilizar o zagueiro Rogério Correia e voltando ao 3-5-2 ou usar Washington e atacar no 4-3-3. “Não basta termos muitos atacantes para sermos ofensivos. Temos que tomar cuidado atrás e estarmos sempre bem postados para não sermos surpreendidos”, analisa. Além dessas opções, o técnico ainda testou uma formação sem o meia William, mas com três zagueiros e três atacantes. Neste caso, tanto Rogério quanto Washington (ambos estão voltando de contusões na coxa) teriam lugar entre os 11.

Tudo isso, no entanto, vai depender de como o time de Émerson Leão irá ao campo. Como os mineiros treinaram com três atacantes, o mais provável é que Levir adote o 3-5-2 e deixe Washington no banco, como opção para a segunda etapa. Quem tem posição garantida, após passar por um cateterismo, é o volante Alan Bahia. O jogador treinou normalmente durante a semana e está apto a voltar a vestir a camisa rubro-negra.

Uma vitória contra a Raposa garante ao Atlético a aproximação do pelotão de frente da competição e a festa pode ser maior ainda com a presença da charanga e da torcida. Com os novos setores nas arquibancadas do Estádio Joaquim Américo, a dica é chegar mais cedo à Baixada para comprar ingresso sem atropelo e encontrar o lugar com mais tranqüilidade enquanto o novo sistema vai sendo assimilado pelos torcedores em geral. Postos de apoio e orientadores estão prestando esclarecimentos dentro e fora do estádio.

CAMPEONATO BRASILEIRO
ATLÉTICO X CRUZEIRO

Atlético: Diego; Marinho, Fabiano e Rogério Correia (Washington); Raulen, Alan Bahia, William (Washington), Jádson e Marcão; Ilan e Dagoberto. Técnico: Levir Culpi

Cruzeiro: Artur; Maicon, Marcelo Batatais, Edu Dracena e Leandro; Bruno Quadros, Jardel, Martinez e Jussiê; Tapia e Dudu. Técnico: Emerson Leão

Súmula
Local:
Joaquim Américo
Horário: 18h
Árbitro: Carlos Eugênio Simon (FIFA-RS)
Assistentes: Altemir Hausmann (FIFA-RS) e Villi Tissot (RS)