Vinícius mostrou maturidade, com boas defesas no gol rubro-negro.

No choque de líderes em Francisco Beltrão, o Atlético levou a melhor sobre o time da casa, mas continua em segundo lugar no grupo B do Campeonato Paranaense. Representado pelo ?Ventania?, o Rubro-Negro jogou muito no primeiro tempo comandado pelo atacante Lima, relaxou no segundo, mas garantiu os três pontos com o 3 a 2 sobre o Galo do Sudoeste. O próximo compromisso na competição será às 19 horas amanhã, na Arena, contra o Paranavaí.

Pressão, que pressão? Se o Furacão não conseguia convencer no Estadual, o ?Ventania? assumiu a responsabilidade e partiu para cima do Francisco Beltrão para buscar a liderança perdida. Ao contrário dos últimos jogos, o time passou a mostrar um rendimento que ainda não tinha mostrado na competição. Até o contestado atacante Lima foi bem. E como. O jogador mostrou muita personalidade e esteve presente nas principais jogadas de ataque.

Após cobrança de falta de Netinho, Lima teve que se abaixar no meio da área, livre, para cabecear e abrir o placar e segurar o ímpeto da equipe da casa. O mesmo Lima ampliou. Após grande lançamento de Netinho, Jônatas recolheu e passou para Lima chutar no canto. Com contra-ataques rápidos, o terceiro não demorou a sair e premiou a boa apresentação de Jônatas. Ele foi lançado por Marín, invadiu a área e chutou na saída de Cássio.

Para a segunda etapa, o técnico Cacau mexeu por atacado e deu mais vida à sua equipe, que defendia a liderança do grupo B. Saíram os pouco atuantes Jéferson e Marcelo Régis e entraram os ariscos Bombinha e Cacau (homônimo do treinador). Mesmo assim, foi o experiente Luisinho Cascavel quem ameaçou a reação do Galo do Sudoeste. Com menos de um minuto da segunda etapa, Luisinho avançou com a bola pela intermediária e chutou forte no canto. Vinícius foi só por obrigação.

A pressão voltou para cima da defesa atleticana, mas o gol só saiu num pênalti duvidoso de Bruno Lança em cima de Batista. O mesmo Cascavel cobrou com perfeição e marcou o segundo. Parecia que o Francisco Beltrão partiria para o empate e a virada, mas também tropeçou nos próprios erros. O volante Batista reincindiu no cartão amarelo e foi expulso. Com um a mais, o Rubro-Negro equilibrou as jogadas, ainda sofreu uma certa pressão, mas soube segurar a vitória e o segundo lugar no grupo B, liderado pelo Iraty, no saldo de gols.

CAMPEONATO PARANAENSE
1.ª Fase – 2.º turno – 2.ª Rodada
Local: Anilado (Francisco Beltrão)
Árbitro: Héber Roberto Lopes (Fifa)
Assistentes: Roberto Braatz (Fifa) e Sueli Terezinha Tortura (Fifa)
Gol: Lima aos 17 e 31 e Jônatas aos 45 do 1.º tempo; Luisinho Cascavel a 1 e 16 do 2.º tempo
Cartão amarelo: Luisinho Cascavel, André Rocha, Danilo, Gil Baiano, Marín, Marcus Vinícius
Expulsão:
Batista
Renda: R$ 24.260,00
Público pagante: 4.975
Público total: 6.211

Francisco Beltrão 2 x 3 Atlético

Francisco Beltrão
Cássio; Gilberto Pinto, Mateus, Otávio e Gil Baiano; Batista, Jean Carlo, Luisinho Cascavel e Jéferson (Cacau); Alex Franco (Carlão) e Marcelo Régis (Bombinha). Técnico: Cacau

Atlético
Vinícius; Bruno Lança, Danilo e Tiago Vieira; André Rocha (Murilo), Jairo, Netinho (Marcus Vinícius), William e Marín; Lima e Jônatas (Edivaldo). Técnico: Lio Evaristo

Treino de luxo contra o ACP

O goleiro Diego e os atacantes Aloísio e Maciel deverão ser as novidades do Atlético para a partida contra o Paranavaí, às 19h de amanhã, na Arena. Os três foram relacionados para a partida pelo técnico Casemiro Mior e formam o esboço do time para pegar o Libertad, na terça-feira, pela Copa Libertadores da América. Hoje, o treinador comanda o último trabalho antes da concentração para o jogo contra o Vermelhinho. Já o amistoso entre o Atlético e o Operário, marcado para hoje, foi adiado para domingo. O motivo alegado é a maratona de partidas que o time está tendo nesta semana.