Adeus, 2019! O Athletico fechou a temporada com um empate com Avaí por 0x0, neste domingo (8), na Ressacada, em Florianópolis, pela última rodada do Campeonato Brasileiro. O Furacão teve maior domínio da partida, mas errou muito na hora da finalização e não conseguiu vencer.

Apesar do resultado, o time termina o Brasileirão com sua melhor campanha como visitante desde 2006, quando o campeonato passou a ter apenas 20 clubes disputando o título por pontos corridos. Foram 25 pontos somados fora de casa. Antes desta, a melhor campanha como visitante havia sido em 2017, quando o Rubro-Negro conquistou 22 pontos longe de Curitiba. Além disso, o time atleticano terminou o ano de 2019 com 13 jogos de invencibilidade – o time teve sua última derrota para o Flamengo por 2 a 0, na Arena da Baixada, no dia 13 de outubro, pela 25ª rodada do Brasileirão.

+ Confira como foi o jogo entre Avaí e Athletico!

Por outro lado, o empate impediu o time de terminar o campeonato no G4. Com a derrota do Grêmio para o Goiás, o Furacão, com uma vitória, poderia ter alcançado a quarta posição. Com a quinta colocação confirmada, o Athletico faturará cerca de 26,4 milhões, mas vale lembrar que o clube recebe cerca de 20% a menos por ter contrato de TV fechada com a Turner.

O jogo

Com um time bastante modificado, com apenas Thiago Heleno e Camacho titulares, o Athletico foi a Florianópolis para terminar o Brasileirão com uma vitória. No primeiro tempo, no entanto, o time teve muitas dificuldades na criação.

Apesar do domínio maior, os passes errados e as más finalizações fizeram o Furacão não conseguir abrir o marcador. Braian Romero foi quem teve as melhores oportunidades, mas, na primeira, chutou em cima do goleiro e, depois, mandou à direita do gol do Avaí.

+ Confira como ficou a classificação do Brasileirão!

Na etapa final, o Athletico partiu para o ataque. Aos 12 minutos, Eduardo Barros tirou Tomás Andrade, que não estava bem e fez seu último jogo pelo Furacão, e colocou Bruno Nazário. O time atleticano teve boas chances, com Vitinho e Pedrinho, mas a bola não queria entrar. Matheus Rossetto e Abner Felipe ainda entraram no time, mas ninguém conseguiu tirar o zero do marcador. O resultado deixou o Furacão na quinta posição, com 64 pontos.

FICHA TÉCNICA

2º Turno – 38ª Rodada

AVAÍ 0X0 ATHLETICO

Athletico
Léo; Khellven, Pedro Henrique, Thiago Heleno e Abner Vinícius (Abner Felipe); Camacho, Erick e Tomás Andrade (Bruno Nazário); Vitinho, Pedrinho (Matheus Rossetto) e Braian Romero.
Técnico: Eduardo Barros

Avaí
Lucas Frigeri; Léo, Zé Marcos, Marquinhos Silva e Ramon; Pedro Castro (Marcinho), Richard Franco, Wesley (Gabriel Lima), João Paulo (Vinícius Araújo); Luan Pereira e Jonathan.
Técnico: Evando Camillato

Local: Ressacada (Florianópolis -SC)
Árbitro: Dyorgines de Andrade (ES).
Auxiliares: Fabiano da Silva Ramires (ES) e Katiuscia Mendonça (ES)
Cartões amarelos: Vitinho (CAP); Marquinhos Silva e Marcinho (AVA).
Renda: R$ 71.266,00
Público total: 2.445