A derrota por 2 a 1 da Arábia Saudita para a Síria, neste domingo, na estreia da Copa da Ásia, custou a demissão do técnico português José Peseiro.

A federação saudita ordenou que o treinador deixe o Catar, onde está sendo disputado o principal torneio de seleções na Ásia, e volte a Riad, capital da Arábia Saudita, para assinar a rescisão do contrato.

“Não merecemos perder, mas aconteceu e estamos frustrados”, disse o português após a partida. “Estou decepcionado com o resultado, mas nosso desempenho não foi nem muito bom nem muito mau.”

Peseiro, que assumiu o cargo em 2009, tinha mais um ano e meio de contrato, mas já estava sob pressão por não ter conseguido classificar a Arábia Saudita para a Copa do Mundo de 2010.

A equipe será comandada por Nasser Al-Johar no restante da Copa da Ásia. O próximo compromisso será na quinta-feira, contra a Jordânia. Na próxima segunda, o rival será o Japão.